Multilog Multilog

Pão de Açúcar: 200 lojas do grupo já implementaram módulo de orquestração da RoutEasy

Publicado em 30/06/2022

Maestro utiliza IA e machine learning para automatizar fluxos de trabalho, bem como criar rotas de entrega e pedidos para frota própria, terceirizada ou de parceiros crowdshipping

Por Christian Presa, com informações de W Casablanca


Foto: Divulgação

O Grupo Pão de Açúcar, 2º maior varejista do Brasil, alcançou a marca de 200 lojas utilizando o Maestro, módulo de orquestração logística da startup RoutEasy. A tecnologia foi adotada pela companhia em maio deste ano.

Criado para atender operações de e-commerce, marketplace, food delivery e vendas D2C, o Maestro utiliza inteligência artificial e machine learning para automatizar fluxos de trabalho. Com isso, é possível criar rotas de entrega e atribuindo pedidos para frota própria, terceirizada ou de parceiros crowdshipping.

Segundo o CEO da RoutEasy, Caio Reina, o Grupo Pão de Açúcar aceitou ser um early adopter do Maestro. Hoje, a solução está estabelecida e “segue em rollout”.

“O grande desafio, nesse caso, são a quantidade de lojas implantadas em um tempo recorde, cada uma com sua regra específica de operação e todas sendo geridas de forma integrada, sem a necessidade de aumentar custos fixos operacionais de planejamento. [...] Acreditamos que o lançamento do Maestro transforma para sempre o mercado de entregas brasileiro, pois ele automatiza 100% da operação, algo nunca visto em nenhuma solução de roteirização no mundo.” – Caio Reina, CEO da empresa.

O executivo explica que a adoção de um fluxo de trabalho automatizado viabiliza a possibilidade de entregas mais rápidas e com custo mais baixo. A ferramenta possibilita a escolha das melhores opções de frete com base na otimização das rotas.

“O sistema é capaz de realizar, automaticamente, a gestão, a roteirização e a atribuição de pedidos considerando um cenário complexo, que pode envolver lojas físicas, dark stores e centros de distribuição”, pontua.

IA, PROGRAMAÇÃO E MACHINE LEARNING

Caio Reina explica que o Maestro foi desenvolvido a partir da combinação de inteligência artificial, programação de alto nível e machine learning. Essa união foi idealizada com o foco de possibilitar o same-day delivery e, segundo o executivo, até mesmo entregas na mesma hora.

“Observamos a tendência das entregas expressas no mercado internacional antes mesmo do início da pandemia. Com o crescimento do e-commerce, o consumidor passou a esperar que suas compras cheguem o mais rápido possível.”, destaca.

ORQUESTRAÇÃO E A INTERFERÊNCIA HUMANA

“Em logística, a orquestração é uma camada de tecnologia aplicada ao planejamento otimizado de rotas e à seleção inteligente de veículos”, explica Caio Reina, pontuando que, em termos práticos, uma inteligência artificial é capaz de dados de diversas origens e utilizá-los utiliza para impulsionar ações e processos.

Nesse sentido, o CEO da RoutEasy destaca que o sistema elimina a necessidade de intervenções manuais para aumentar fluidez e escalabilidade das operações. “Quanto mais etapas e variáveis envolvidas na execução de uma tarefa, maior a necessidade de diminuir a interferência humana para combinar automatizações e ter um fluxo de trabalho orquestrado, que aumente a eficiência dos processos.”

 

Artigo(s) publicado(s) na revista e relacionado(s)


 

Advanced Analytics em Supply Chain
A utilização de ferramentas mais sofisticadas, apoiadas pela evolução tecnológica dos últimos anos e aliada à obtenção crescente de dados por sensores e sistemas inteligentes irá demandar novos processos e capabilities