Assinatura Premium Assinatura Premium

Após dois anos atuando na última milha do Nordeste, Beelog chega a São Paulo

Publicado em 31/08/2022

Operando nas modalidades same day delivery, q-commerce e last mile, startup fundada em Aracaju (SE) já atendeu shopping centers em todas as capitais, grandes marketplaces e CDs

Por Redação


Foto: Divulgação

Após fortalecer a atuação na região Nordeste, a Beelog anunciou a chegada à cidade de São Paulo. Composta por um sistema de machine learning, a startup fundada em Aracaju (SE) oferece um serviço de q-commerce focado na inteligência da roteirização por meio da geração roteiros de entregas baseados em parâmetros de segurança e prevenção.

O sistema da Beelog opera nas modalidades de entrega same day, q-commerce (entrega rápida) e last mile. Os clientes podem acessar os serviços pelo site ou aplicativo, desenvolvido nas versões para Android e IOS.

“O google tem a compreensão das rotas, mas o nosso sistema faz a análise e diz se é preciso evitar áreas arriscadas, áreas de não curso”, pontou o CEO da empresa, Jhouferbio Rodrigues. “Nossa inteligência dá o melhor percurso e o mais seguro mapeando as zonas de risco.”

A Beelog é uma das startups que fazem parte do Cubo Itaú, maior centro de inovação tecnológica da América Latina. Criado por Banco Itaú e Redpoint, o hub junta no mesmo espaço empresas dos mais diversos segmentos que estão focadas em tecnologia para fazer networking e criar oportunidades comerciais numa rede empreendedora exclusiva.

“Estar no Cubo é extremamente importante, pois nos coloca numa posição de destaque nesse cenário de transformação via tecnologia. Estamos focados em conversar com o mercado de forma transparente, contribuindo no fortalecimento da cultura de inovação e empreendedorismo, algo que Beelog defende.” – Jhouferbio Rodrigues.

A startup atua há mais de dois anos no Nordeste, um dos maiores polos exportadores do Brasil. Nesse período, já atendeu shopping centers em todas as capitais, grandes marketplaces e centros de distribuição.

Segundo Jhouferbio Rodrigues, a experiência no Nordeste confirma a capacidade da Beelog para atender a cidade de São Paulo. ”Nossa machine learning permite um controle de performance e eficiência do fluxo de jornada com mais inteligência para lidar com qualquer realidade logística.”

 

Artigo(s) publicado(s) na revista e relacionado(s)


 

Last Mile: Competitividade e Sustentabilidade
Inovações e adequações na última milha