LogTalk LogTalk

Wilson Sons inicia operação do novo rebocador no Porto do Açu

Publicado em 10/05/2023

WS Rosalvo é a 3ª embarcação construída, no estaleiro da empresa, capaz de reduzir em até 14% emissão de gases de efeito estufa; rebocador possui padrão Tier III, da IMO

Por Redação

Wilson Sons inicia operação do novo rebocador no Porto do Açu
Os rebocadores são os primeiros, no Brasil, com o padrão Tier III, da Organização Marítima Internacional (Foto: Divulgação)

A Wilson Sons iniciou as operações com o novo rebocador sustentável, o WS Rosalvo, no Porto do Açu, em São João da Barra (RJ). De acordo com a companhia, o novo design hidrodinâmico melhora a eficiência do casco e permite reduzir em até 14% o consumo de combustível e, consequentemente, as emissões de gases de efeito estufa.

Os rebocadores são os primeiros, no Brasil, com o padrão Tier III, da Organização Marítima Internacional (IMO), que atesta a redução de pelo menos 70% de óxidos de nitrogênio. Esse padrão é exigido somente para áreas de controle de emissão, como é o caso de algumas regiões da América do Norte e Europa e voluntariamente adotado pela Wilson Sons.

O WS Rosalvo, da classe RSD 2513, tem notação escort tug e equipamento de combate a incêndio certificado FIFI-1, com vazão de 2,4 mil m³ de água por hora. O design é da Damen Shipyards e possui 24 metros de comprimento e 13 metros de boca (largura). A embarcação opera avante e a ré com a mesma eficiência, podendo ser usada tanto em manobras portuárias quanto em rebocagem oceânica.

O bollard pull (tração exercida no cabo de manobra) é de mais 90 toneladas, fazendo do novo rebocador o mais potente e sustentável em operação no Brasil, ao lado do WS Centaurus e do WS Orion.

O novo rebocador possui as mesmas características do WS Centaurus e do WS Orion, e passa a integrar a frota de 81 rebocadores da companhia. O WS Centaurus e o WS Orion entraram em operação em julho e em outubro do ano passado, respectivamente, e já realizaram cerca de 650 manobras. Com a entrega do WS Rosalvo, a Wilson Sons chega à marca de 151 embarcações construídas em seus estaleiros.

“O WS Rosalvo demonstra a relevância da inovação e da sustentabilidade para a Wilson Sons, reafirmando o pioneirismo da companhia, no mercado brasileiro, com projetos modernos na construção e operação dos novos rebocadores, cada vez mais necessários diante de uma demanda crescente nos portos por embarcações mais potentes para atender grandes navios de maneira mais sustentável”, afirmou Márcio Castro, diretor-executivo de Rebocadores da Wilson Sons.

“A Wilson Sons é uma grande parceira do Porto do Açu. Estamos juntos em operações desde o início das operações do Porto do Açu, como também no hub do Cubo Itaú, em São Paulo, e também no Blue Rio, programa colaborativo de economia azul no estado fluminense”, destacou Vinícius Patel, diretor de Administração Portuária do Porto do Açu. “Desde 2016 a companhia atua no porto-indústria, prestando serviços de excelência. Para nós, também é muito importante participar da homenagem prestada ao Rosalvo, cujo nome batiza o novo rebocador da WS, e que foi também nosso colaborador no Açu.”