Assinatura Assinatura

Com relançamento do modal aéreo, Jamef planeja alta de 35% na movimentação de volumes

Publicado em 13/06/2023

Companhia terá postos dedicados de atendimento em 10 cidades do Brasil e em regiões estratégicas, com três opções de envio: convencional, emergencial e hotline, com entregas via portador Jamef

Por Redação

Com relançamento do modal aéreo, Jamef planeja alta de 35% na movimentação de volumes
 Segundo a companhia, o Jamef Aero irá reforçar o posicionamento da companhia (Foto: Divulgação)

A Jamef anunciou que está relançando o modal aéreo e pretende aumentar 35% o volume movimentado por ano em seu serviço, bem como ter alta de 50% no faturamento nos próximos seis meses na modalidade. Segundo a companhia, o Jamef Aero irá reforçar o posicionamento da companhia e oferecer aos clientes uma solução que conecta a atuação na última milha.

O relançamento prevê novos postos dedicados de atendimento em dez cidades do Brasil e em regiões estratégicas. São três opções de envios: convencional, emergencial e hotline, com entregas via portador Jamef.

“Reforçamos ainda mais o nosso posicionamento em um mercado que almeja cada vez mais agilidade, sem abrir mão da qualidade. Nosso time está totalmente preparado para garantir aos nossos clientes a melhor experiência de atendimento”, destacou Emerson Belan, Diretor Comercial da companhia.

Segundo dados da Confederação Nacional do Transporte (CNT), em 2022, foram transportadas 1,4 milhões de toneladas via modal aéreo no Brasil — alta de 3,6%, quando comparado a 2021. De acordo com a Associação Internacional de Transporte Aéreo (IATA – International Air Transport Association), as transportadoras da América Latina registraram aumento de 13% na demanda de cargas em 2022, quando comparado a 2021. No mesmo período, as companhias aéreas registaram crescimento de 27,1% na capacidade.

Para Tadeu Monteconrado Segadilha França, supervisor de Logística da Newland Payment Technology — responsável pelas operações da empresa no Brasil e que utiliza o Jamef Aero —, a capilaridade da companhia permitiu a expansão dos negócios no Brasil, em especial na região Nordeste.

“A Jamef veio para somar junto à nossa operação, pois é uma das poucas empresas com expertise de encomendas urgentes e isso permitiu alcançar um importante mercado consumidor, que é o Nordeste. A Jamef permitiu alavancar as nossas vendas e principalmente garantir a satisfação da última ponta”, afirmou o executivo.

NOVO DIRETOR PRESIDENTE

Outra novidade da Jamef foi o anúncio de Pedro Maniscalco como novo diretor-presidente da empresa. O executivo está na companhia há mais de 20 anos e ocupava o cargo de diretor de Operações desde 2007,

Em comunicado, a companhia destacou a experiência reconhecida do Maniscalco e reforçou o papel importante do executivo na construção das estratégias que garantiram a expansão da Jamef nos últimos anos.